Chega de estresse: afinal, qual o ponto certo do Chantilly?

Uma das maiores dificuldades de quem usa chantilly em suas receitas é saber o ponto certo dele. Por quanto tempo é preciso batê-lo? Qual a textura certa? Qual deve ser o seu aspecto na hora da aplicação?

Continue lendo e veja nossas dicas para tirar essas dúvidas e fazer o melhor proveito deste produto versátil e super procurado.

Qual é o ponto certo do chantilly?

É quando o produto apresenta uma textura consistente, nem tão firme e nem tão mole, ideal para ser utilizado na decoração e no recheio das sobremesas. 

Se você estiver usando a batedeira planetária, o ponto certo do chantilly ocorre quando ele começa a desprender da parede da tigela. Você também pode desligar a batedeira, tirar o batedor e afundá-lo no chantilly para que se forme um bico do produto. Se o bico estiver estável, significa que o produto está no ponto correto. 

Se isso não acontecer, significa que o chantilly passou do ponto, ou seja, houve o estresse comum. Essa é uma situação ruim para o alisamento do produto e para a decoração do doce, porque o produto estará firme demais ou mole demais, dificultando o seu manuseio. Por outro lado, passar do ponto não afeta no sabor do produto, nem em seu uso como recheio.

O produto pode ser reaproveitado se não estiver na consistência ideal. Quer saber como? Se ele estiver muito mole, basta batê-lo por mais alguns minutos. Se ele…

Se ele estiver muito mole, basta batê-lo por mais alguns minutos. Se ele passar do ponto, você pode adicionar mais creme líquido gelado e retomar o batimento de forma lenta, até obter a cremosidade desejada.

Uma dica da Ourolac é procurar por chantillys prontos para bater, que facilitam o processo de chegar ao ponto ideal. Você encontra boas opções standard no mercado e economiza o tempo de produção que costuma ter com os chantillys artesanais (feitos com creme de leite).

Como bater o produto?

Ele pode ser batido na batedeira planetária ou no sifão. O processo é um pouco diferente em ambos os casos. Veja só:

Na batedeira planetária

Antes de ser batido na batedeira, o produto precisa ser colocado na geladeira por, no mínimo, 12 horas antes do batimento. 

Isso se explica porque, no momento do preparo, ele deve apresentar uma temperatura entre 5ºC e 8ºC. A temperatura certa deixa o batimento mais homogêneo e aumenta a cremosidade e o rendimento do chantilly

Se a batedeira planetária tiver capacidade para 5 litros, é aconselhável usar 500 ml do creme a uma velocidade média de batimento entre 128 e 136 RPM. Nessas condições, o tempo aproximado de montagem deve ser de acordo com a velocidade de batimento, entre 3 e 8 minutos. 

Durante todo o procedimento, é importante anotar algumas informações, como:

  • a temperatura de batimento deve estar entre 5ºC e 8ºC;
  • o tempo de batimento pode ser em velocidade média entre 128 e 136 RPM;
  • a temperatura final de batimento, que pode oscilar entre 10ºC a 12ºC.

No sifão

O sifão é uma garrafinha pressurizada e bem vedada que costuma ser utilizada no preparo de espumas e de cremes para bebidas quentes e frias. Mas lembre-se: os resultados podem ser ainda melhores se o sifão estiver bem higienizado e conservado.

Para bater o chantilly pronto nessas condições, preencha o sifão com o produto, mas respeite o volume máximo de enchimento indicado na garrafinha. É necessário ter um espaço vazio para alcançar o resultado esperado de batimento. 

Depois, basta agitar o produto por, no mínimo, 20 vezes. Para testar a consistência, retire uma pequena parte e avalie. Se ele ainda estiver mole ou líquido demais, agite mais 5 vezes. 

Como armazenar?

Depois que a embalagem for aberta, o produto não batido deve retornar à geladeira e permanecer no local por até 3 dias, seguindo as condições de armazenamento na embalagem.  

Já o chantilly batido pode ser armazenado por até 3 meses no freezer, desde que você não acrescente corante ou outros ingredientes e o transfira para um pote bem lacrado, cobrindo a superfície do creme com um plástico filme. 

Se você optar por armazenar o chantilly líquido no próprio sifão, ele pode ser conservado de 2 a 3 dias na geladeira. 

Conclusão

Como você já viu, não tem mistério para chegar ao ponto certo do chantilly. É muito importante obedecer a cada etapa para ter o melhor resultado possível do produto e, consequentemente, das suas receitas. 

Agora, é hora de garantir o chantilly ideal para a sua produção! Para isso, procure por um fornecedor de confiança e que entregue um produto de qualidade e que assegure as suas principais características: rendimento, brancura, textura lisa e estabilidade. 

Não deixe de assinar a nossa newsletter para receber mais conteúdos como este!